Comunicação

Família e Desenvolvimento Social

07/10/2013

Casa de Semiliberdade começa a funcionar em Paranavaí

A 26ª unidade de socioeducação do Paraná começou a funcionar nesta quinta-feira (03) em Paranavaí, na região Noroeste do Estado. A nova Casa de Semiliberdade recebeu o investimento de R$ 441 mil de recursos do Fundo Estadual da Infância e Adolescência do Paraná (FIA) deliberado pelo Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca).


“É nosso papel fazer com que estes adolescentes vislumbrem possibilidades de superação. Temos que promover a reintegração social, dando a eles acesso aos recursos fundamentais para garantir seus direitos e, consequentemente, cidadania”, afirmou a secretaria da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa. 

Esta é a oitava Casa se Semiliberdade em funcionamento do Estado e a segunda inaugurada esta semana. A medida executada nesta unidade acontece com a privação parcial da liberdade dos adolescentes e alterna períodos de permanência na Casa com períodos de atividades externas, sempre monitoradas, com o objetivo de promover a autonomia dos meninos e meninas.

O projeto de 298 metros quadrados das novas unidades que estão sendo entregues pelo Governo do Estado recebeu atenção especial por parte dos projetistas. Além de garantir o estabelecido pelo Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase), há o cuidado para assegurar um ambiente o mais próximo possível de uma residência familiar, com quartos, salas, cozinha e demais dependências. 

Por este motivo, o projeto da Casa de Semiliberdade do Paraná foi reconhecido e referendado pelo Governo Federal e poderá ser utilizado por outros estados brasileiros. A cessão de uso dos projetos executivos das unidades já foi feita pela Secretaria da Família e Desenvolvimento Social.

“Estamos proporcionando um ambiente adequado e com todos os instrumentos para que os adolescentes tenham condições de reconstruir sua história e iniciar um novo projeto de vida”, disse a coordenadora de Medidas Socioeducativas da Secretaria da Família, Claudia Foltran.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.